imagem do corona vírus
Se apresentar sintomas leves de gripe como: tosse, coriza, dor de cabeça, ligue: 0800 647 5225

POLIOMIELITEReunião com escolas e creches particulares define estratégias de imunização contra o vírus da pólio

23/Set/2022 - 18:52

Cerca de 30 instituições de ensino participaram do debate que aconteceu no auditório da Biblioteca Francisco Meirelles

Debate aconteceu no auditório da Biblioteca Municipal Representantes de escolas e creches particulares participaram da reunião realizada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), nesta sexta-feira (23), no auditório da Biblioteca Francisco Meirelles, na região central de Porto Velho. O encontro teve como propósito alinhar estratégias de vacinação contra o vírus da poliomielite entre as instituições privadas do município. A ação faz parte da Campanha Nacional Contra a Poliomielite e Multivacinação, que vai até a próxima sexta-feira (30) em todo o país.

Erradicada após inúmeros esforços de imunização nas últimas décadas, a poliomielite voltou a ser pauta principal entre as doenças fatais que podem retornar e causar danos irreversíveis à população, em especial crianças de um a menores de cinco anos.

Para a vice-presidente do Sindicato das Escolas Privadas de Rondônia (Sinepe-RO), Camila Fernanda Carvalho Caetano, a reunião foi uma oportunidade de apoiar as instituições privadas e contribuir com a organização das ações de saúde entre os órgãos.

“Nosso papel é apoiar as instituições privadas, contribuindo com a organização e comunicação entre os órgãos responsáveis, no caso hoje a saúde, mais especificamente focado na vacinação, para que a gente possa ter uma comunicação mais eficaz e contribuir nesse processo de abrir as portas para ter um número maior de crianças vacinadas”, disse Camila Fernanda.

Processo de imunização das crianças nas escolas vai iniciar nos próximos dias Adanan Willian, diretor do Colégio Adventista, fala sobre a importância das ações de imunização nas escolas. “Essas ações são importantes para que a sociedade em geral tome consciência da importância da vacinação, da importância do cuidado com as crianças, isso, com certeza, traz um efeito muito grande pra sociedade e nós enquanto escola, seja pública ou privada, precisamos motivar essas ações para que a própria sociedade entenda a importância desse cuidado”, afirma.

De acordo com a Divisão de Imunização, do Departamento de Atenção Básica (DAB), da Semusa, cerca de 30 instituições de ensino participaram da reunião e cada instituição ficou encarregada de passar a mensagem aos pais dos alunos. O início da ação de vacinação nas escolas está previsto para começar na próxima segunda-feira (26).

“A partir de hoje eles já vão fazer uma reunião com objetivo de levar informações para os pais dos alunos e para os professores, que também são multiplicadores de opinião, então a partir de segunda-feira já queremos iniciar a vacinação”, destacou Elizeth Gomes, gerente da Divisão de Imunização da Semusa.

O processo de imunização das crianças nas escolas é feito através das famosas gotinhas contra a poliomielite.

O Conselho Municipal de Educação e a Secretaria Municipal de Educação (Semed), assim como o Sinepe-RO, também são parceiros desta ação. O papel do conselho é garantir que outras instituições de ensino privado participem da campanha.

“Então, o Conselho Municipal de Educação em conjunto com a Semed e a Semusa estão articulando junto às escolas que ainda não estão regularizadas e não fazem parte do Sinepe, para que elas possam entrar também nesta ação de vacinação”, destacou Lilian Araújo, diretora do Departamento Técnico do Conselho Municipal de Educação.

Texto: Carlos Sabino
Foto: Felipe Ribeiro
Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)


logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho