CORONAVÍRUS (COVID-19)
Disk CIEVS

SAÚDEUPAS Sul e Leste atenderam mais de 35 mil pacientes nos últimos 3 meses

05/Ago/2020 - 12:32

Pacientes com Covid-19 foram maioria na UPA Sul enquanto a UPA Leste atendeu mais outros tipos de doenças

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) de Porto Velho, localizadas nas Zonas Sul e Leste, atingiram a marca de 35.004 atendimentos no último trimestre, sendo 13.777 pacientes com suspeitas ou confirmação do novo coronavírus (Covid-19). Para absorver toda a demanda, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) estabeleceu readequações no modelo de atendimento, inclusive com a ampliação da quantidade de leitos.

A UPA Sul, por exemplo, tornou-se referência no atendimento a pacientes com suspeitas de coronavírus, recebendo a maioria dos pacientes com quadros moderados e graves da doença, encaminhados pelo Call Center. A unidade é responsável por 14.957 atendimentos realizados em maio, junho e julho, sendo 12.015 (80%) acolhimentos de pacientes com sinais e sintomas de coronavírus.

Acolhimento, triagem, consultas médicas, exames diversos, testes rápidos e swabs, observação, internação e até intubação são alguns dos procedimentos realizados pela UPA Sul, dependendo da condição clínica do paciente. A unidade teve sua capacidade ampliada para 22 leitos com oito respiradores pulmonares, sendo quatorze leitos modernos, quatro de estabilização (semi-intensivo) e mais quatro destinado às outras enfermidades.

Para a UPA Sul priorizar o atendimento ao paciente com sintomas de Covid-19, outras unidades absorveram as demandas de outras doenças, entre elas a UPA Leste. Nos três meses foram contabilizados 20.047 atendimentos diversos naquela unidade, sendo 1.762 de pacientes com sintomas suspeitos de coronavírus.

A UPA Leste também teve sua capacidade de atendimento ampliada para 19 leitos com oito respiradores, tendo quatro leitos de isolamento, quatro de estabilização (semi-intensivo), cinco clínicos e seis leitos de suporte para casos suspeitos decorrentes da Covid.

A secretária titular da Semusa, Eliana Pasini, explica que a UPA Leste e as policlínicas Ana Adelaide e José Adelino passaram a dar suporte no atendimento de outras patologias para que a UPA Sul pudesse priorizar os casos moderados a graves de Covid-19. “Toda a secretaria está comprometida em oferecer a melhor estrutura de saúde à população e assim garantir maior acesso da população aos serviços, conforme determinação que recebemos do prefeito Hildon Chaves”.

Atendimentos Call Center

O sistema de teleconsultas da prefeitura também finalizou o balanço das chamadas recebidas do mês de julho. Foram 23.831mil atendimentos realizados pelo telefone 0800 647 5225 no último mês. Desde quando foi implantado, dia 1° de abril, até 31 de julho, o Call Center registrou 84.476 atendimentos.

No primeiro mês de funcionamento, os casos do coronavírus em Porto Velho ainda eram baixos e o sistema registrou 7.278 mil atendimentos. No mês seguinte, com o aumento de notificações da doença, o Call Center registrou 23.148 mil atendimentos. Em junho, no pico dos casos, foram registrados 30.219 ligações atendidas pelas equipes de profissionais.

Comdecom

logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho